• Daniel Boico

Como a estrutura do seu box pode atrair novos alunos

Já falamos nos artigos anteriores sobre como diferenciar o seu Box da concorrência entendendo quem é o seu público, quem são os seus concorrentes e como o seu atendimento pode transformar a percepção que o aluno tem do seu box.


Hoje, vamos falar sobre mais um ingrediente dessa receita de diferenciais: a estrutura do seu box!





Quando falamos em estrutura, queremos que você entenda que tudo aquilo que é físico que está dentro ou na região do seu box ou studio, deve ser considerado. E também, deve ser atrelado a forma que os seus funcionários proporcionam de experiência naquele espaço. Vamos lá?


Os pontos mais importantes que você precisa saber sobre a sua estrutura


O primeiro ponto é muito necessário: pense na estrutura do seu negócio hoje. O que você tem oferecido para o seu cliente? Como é a estrutura que você oferece para ele?


Sem dúvidas que aqui teremos um grande guia para saber se você tem oferecido aquilo que o seu cliente espera ou busca.


Em muitos casos, quando falamos de oferecer uma boa estrutura para o cliente, isso não significa necessariamente que você precisa ter um estrutura cara, de alto nível ou padrão. Você precisa entender o mínimo que o seu cliente espera de você e trabalhar para surpreendê-lo.


Isso quer dizer que, assim como nós explicamos no outro artigo sobre atendimento, você precisa entender o perfil do seu público. Quais lugares ele gosta de frequentar? O que ele valoriza? Quais são as ambições desse cliente? Quais as marcas ele consome? Assim, você entende quais as expectativas que você deve estar pronto para suprir no seu negócio.


Mas quais são os principais pontos de estrutura devo suprir?


Preparei uma pequena lista de pontos que você deve ter atenção quando falamos de estrutura.


1. Limpeza do seu box


Sem dúvidas, um dos principais pontos da estrutura que deve ser trabalhado é o da limpeza. E me conta: tanto a limpeza do banheiro quanto a do seu box, de um modo geral, é feita constantemente?


Um ambiente limpo e organizado permite que o cliente se sinta mais confortável, acolhido e perceba que existe um cuidado com o espaço.


Você teria interesse em iniciar as aulas de CrossFit em um box, onde na aula experimental, você percebeu que os materiais ficam todos bagunçados, o banheiro está sujo, com papel no chão ou até descargas estragadas? Provavelmente não.


Por isso, pense em como você gostaria de encontrar um box ou studio para ter as suas aulas! Ninguém gosta de lugar sujo ou bagunçado! Incentive o seu time a ter isso em mente.


2. Seu horário de funcionamento


A sua equipe está preparada para atender possíveis clientes durante quais horários? Seu box fica aberto somente durante as aulas ou também durante o dia para receber possíveis alunos?


É muito importante que você mantenha o seu box funcionando para recepcionar e apresentar um pouco da sua estrutura mesmo quando não tiver treinos!


Isso faz com que as pessoas tenham mais segurança no que você oferece e no seu box. Afinal, você se mostra disponível para recebê-los a qualquer momento.


3. A importância da localização


Um dos principais pontos quando falamos de estrutura é a localização do seu box. Além de ser um bom guia com possíveis horários que você poderá ter mais alunos, você precisa de atenção para os meios que o aluno chega até o seu box.


Por exemplo, se você está localizado em uma avenida muito movimentada. Onde os seus alunos que vão de carro poderão estacionar? Você tem um estacionamento para recebê-los?


Isso sem dúvidas faz a diferença. Pois imagine, você depois de um dia de trabalho, dando volta no quarteirão em busca de uma vaga para estacionar. O seu pensamento pode ser: é um sinal para eu ir para casa e descansar. Então, pense como um aluno. Não permita brechas para que ele desista de comparecer às aulas e, consequentemente, desistir.


Um estacionamento próximo ou uma rua tranquila pode ser o seu grande diferencial para atrair alunos.


4. Cuidados especiais


Outro ponto de atenção quando falamos sobre estrutura são itens básicos que podem fazer o olho do seu cliente brilhar.


Imagine que você treina e em seguida vai para o trabalho. Você precisa preparar uma mochila para levar suas roupas extras, toalha, shampoo, sabonete e etc. Em um dia, você percebeu que o seu shampoo acabou! Mas no banheiro do box, existe um shampoo extra para os clientes. Seria uma maravilha, não é?


Esses detalhes tornam a experiência do seu cliente muito mais satisfatória. E pense isso com itens como sabonete extra, toalha (pode ser através até do aluguel de toalhas), desodorante, absorvente e diversos outros itens essenciais para caso de necessidade.


Tenho certeza que os seus alunos vão se sentir muito mais confortáveis e admirando a experiência.


5. Espaços pensados na demanda do seu público


Mais uma vez, quero que você entenda como é importante ter conhecimento do seu público. Isso porque você precisa criar uma estrutura que atenda às necessidades dele.


Se você tem o foco em performance, você deve ter um espaço exclusivo no seu box para levantamento de peso. Talvez um tablado específico para essas atividades e até um espaço de treino extra, para atender esses alunos em horários específicos.


É importante que você pense nisso de acordo com a realidade do seu público e do seu negócio. Ofereça aquilo que fizer sentido e for possível.


DICA EXTRA: Um outro exemplo de espaços pensados para o seu público é entender o que ele consome. Ele consome algum alimento ou bebida depois do treino? Que tal colocar um freezer com isotônicos? Até mesmo com uma cerveja para o pós-treino do final de semana! Esse pode ser um diferencial.


6. Sinalização do espaço


Uma boa identidade visual e uma boa sinalização dentro do seu box são fundamentais para a sua comunicação com o cliente.


Se preocupe em criar uma boa sinalização indicando cada espaço, informações importantes sobre onde ficam os equipamentos, o caminho para o banheiro e etc.

A primeira impressão é a que fica. Assim que o seu cliente entrar no seu box e perceber uma identidade visual harmônica, bem clara e bem sinalizada, ele se sentirá à vontade.


Bom, essas foram algumas das dicas essenciais para que você perceba no seu negócio para trazer diferenciação do seu box.


Tenho certeza que se você implementá-las os seus alunos e futuros alunos se sentirão muito especiais e vão adorar promover o local que eles treinam!


Aproveite para me contar nos comentários o que já fez ou pretende fazer dessa lista no seu box ou studio!


Até mais.


 

Daniel Boico é publicitário e CEO da Boico. Atua há mais de 10 anos, atendendo grandes players do mercado fitness e gerando soluções em marketing 360. Boico já ajudou centenas de proprietários de boxes de CrossFit no país, por meio da mentoria Well Done for Business. Também contabiliza mais de 150 boxes de CrossFit abertos em território nacional.


36 visualizações0 comentário